terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Pés que vascilam


"Tenho posto o senhor continuamente diante de mim; por isso que ele está à minha mão direita, nunca vacilarei."Salmos 16:8
Parece fácil seguir as pegadas deixadas na areia, se conseguirmos ficar bem próximo até dá para ir pisando em cima, mas se titubearmos por um instante, a onda vem e apaga as marcas.
Caminhar seguindo os passos de Jesus faz a nossa trajetória mais fácil, andar na direção correta, manter a nossa mente focada,  evita um monte de aborrecimentos.
Temos por hábito apontar os erros e esquecemos que a distância que separa o certo do errado, a vida da morte, é muito pequena,  um segundo de distração, e pronto o estrago já foi feito.
Quando acontece um acidente é comum os questionamentos:Mas como ele pode fazer isso?Olha que perigo!É proibido fazer isso!
Depois que as tragédias acontecem não adianta chorar pelo leite derramado, já foi, já aconteceu, não dá para voltar atrás.
É a velha estória do se eu.....por um momento tivesse pensado, isto não teria acontecido, é preciso uma dose extra de prudência em tudo que fazemos, temos visto acontecer coisas que se por um momento sequer a pessoa colocasse o pensamento no lugar, refletisse, sobre estarmos cercados de armadilhas, prontas para nos tragar, muitos erros poderiam ser evitados.
Seguir a Jesus implica em colocá-lo a frente de tudo que fazemos, seja na igreja, no trabalho, no lazer, na nossa vida, um pouco de cautela, de respeito pelo outro, não faz mal a ninguém.
É preciso pensar antes para não se arrepender depois, porque a sequelas dos erros nem sempre são reversíveis, algumas como a morte, são definitivas.Esta semana em São Paulo, não se fala outra coisa a não ser sobre  dois acidentes de jet ski,  um adolescente matou uma menina de 03 anos, no outro o pai puxando um bote, ao passar embaixo  de uma ponte, bateu o bote, e o filho foi arremessado contra a pilastra e morreu.Este dois erros foram fatais, poderiam ser evitados, mas infelizmente não dá para voltar no tempo, agora é fácil recriminar os responsáveis, punir os culpados, mas a vida, quem trará de volta?
Uma coisa é certa, o perigo nos ronda dia e noite,  muito cuidado para que os seus pés não vacilem, porque é um segundo de distração e uma vida inteira de arrependimentos, atire a primeira pedra quem nunca se arriscou e por sorte saiu ileso, não dá para contar com isto sempre.Caminhe sempre na direção certa, na mesma pegada, sem se afastar de Jesus, pode ser que numa destas vaciladas os seus pés nunca mais encontrem o caminho.Fica esperto, coloque o senhor sempre a frente, não seja confiante demais, uma hora a casa cai e você vai ter que arcar com as consequências.Cuidado!O erro pode ser fatal!

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Você sabe fazer pão?

"É semelhante ao fermento, que uma mulher, tomando-o, escondeu em três medidas de farinha, até que tudo levedou."Lucas 13:21


Nesta passagem Jesus compara o reino de Deus a uma porção de fermento que se dividiu em três partes até que crescesse, ou fermentasse, ou desenvolvesse, ou levedasse ou aperfeiçoasse, porque encontramos no dicionário todas estas definições para a palavra levedar.Nesta parábola o fermento representa a preparação, o aprendizado, a espera, a mudança, o crescimento da palavra em nossos corações, em nossas atitudes.Não é possível ver o reino de Deus crescer se não houver estas transformações.Para que o pão cresça é preciso um tempo de espera para que o fermento possa agir.
Assim é a palavra de Deus, aos poucos nos faz refletir sobre as nossas atitudes, nos faz enxergar os nossos erros, é o espírito que vai nos convencendo dos nossos pecados e quando menos esperamos, começa a transformação.
O evangelho tem que trazer mudanças para nossa vida, é preciso fazer a conversão, voltar atrás e corrigir os erros.
Mas o que está me causando espanto é que de uns tempos pra cá, o cristão tem feito o caminho inverso, passam a vida inteira na igreja e estão voltando para o Egito.O que aconteceu com estas pessoas?Se Jesus compara o reino de Deus a uma porção de fermento que foi dividido e multiplicado, eu acredito que estas pessoas receberam uma porção de fermento estragado, em algum momento esqueceram a palavra e colocaram homens no lugar, que ao invés de crescer, desenvolver,  aperfeiçoar, não obteve a função esperada, fez um pão duro, sem condições de alimentar ninguém e nem ser dividido.É preciso esperar um pouco para o fermento agir, quando você coloca o pão antes da hora no forno ele fica duro, sem condições de consumo.É preciso experiência na cozinha para fazer um pão bem feito.
O tempo é que nos faz conhecedores da palavra, a experiência é que nos fortalece na hora da batalha, o conhecimento traz a libertação, o entendimento do que Deus tem para nossas vidas é que mantém firmes os nossos pés.
Seguir a Deus implica em ser perseverante, continuar sempre em frente, não colocar as nossas vidas nas mãos de homens, porque eles são falhos e nos traz decepções, e muitas vezes nos fazem querer retroceder.Eleve os teus olhos para o Senhor, somente Ele é o autor e consumador da nossa fé.Deixe a palavra de Deus crescer, reparta com outros e ela se multiplicará, como um pão macio que mata a fome.Fome da palavra, fome de esperança, fome de fé, fome de amor, fome de qualquer espécie. O pão da vida não acaba, permanece para sempre....

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Deus é que sustenta a minha sorte

"O senhor é a porção da minha herança e do meu cálice:tu sustentas a minha sorte"Salmos 16:5
O ano comercial aqui no Brasil dizem que começa hoje e é motivo de apreensão para muitas pessoas, depois do descanso do feriado, bate aquela sensação de insegurança, como será este ano?Será um ano bom para aqueles que tiverem bom ânimo.Fé.
A benção virá para os que creem que tudo está no controle de Deus.Não somos dependentes de situações ou de uma economia estável, dependemos apenas da vontade do pai, devemos prosseguir como vencedores, certos de que no final ergueremos a taça.Quando colocamos a nossa fé a frente de tudo, parece que as coisas fluem com mais facilidade.O mundo está caminhando para o abismo, mas nós vamos na direção contrária, na contra mão, para mostrar que só com Jesus é possível caminhar seguro.Ontem eu estava assistindo um filme e uma das personagens pergunta para outra:Você já encontrou Jesus?E a outra responde:Nem sabia que ele estava perdido!É assim que as pessoas reagem quando querem debochar da nossa crença e menosprezar o nosso Deus.
Mas você precisa manter a sua confiança, a certeza de que temos um Deus que cuida de nós, é que nos faz mais do vencedores, a minha sorte não depende de homens, somente da mão do meu senhor estendida na minha direção, é por isso que não importa que direção o vento me leva, estou certa de que Deus é que está no controle, ainda que seja um tornado daqueles que podem até nos fazer levantar do chão, continuo crendo que o melhor está por vir. 
Davi foi um homem segundo o coração de Deus, porque colocava toda a sua confiança nele, reconhecia suas fraquezas e não tinha vergonha de se declarar dependente.
A nossa herança é do senhor, é ele que sustenta a nossa sorte e nos faz vencedores.É só confiar e este vai ser o melhor anoda sua vida!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Eu sou livre.....

"Cada um fala com falsidade ao seu próximo; falam com lábios lisonjeiros e coração dobrado" Salmos 12:2
Liberdade, liberdade, abre as asas sobre nós...
O mundo dito moderno tem tirado de nós esta liberdade, de ser único,não podemos ser diferentes, ter idéias próprias, estamos virando uma espécie de robô humano, que não tem vontade, nem pensamentos próprios, se  não se enquadra nestes padrões estipulados por determinado grupo, é deixado de lado.
Eu sou uma destas estranhas que não se enquadram em um grupo específico, transito por diversos  sem fazer parte de nenhum deles.É estranho, né! Que ao mesmo tempo que vivo cercada de pessoas, me encontro sozinha, com os meus costumes, o meu jeito, as minhas idéias.Tenho uma infinidade de amigos, mas não compartilhamos as nossas vidas a todo momento, não vivemos a vida um do outro, compartilhamos apenas momentos, de lazer, de alegrias, de tristezas, me sinto amada por todos, mas levamos uma vida diferente, especial, por ser minha.Penso que para convivermos no dia a dia não é necessário sermos iguais, estas nossas diferenças é que fazem as nossas amizades mais especiais, mais duradouras.A moda não precisa ditar o que  vai ser, o que vai comer, o que vestir, o que conversar, o que falar, ficar medindo o que  pode ou não dizer, é terrível.A ideia é aproveitar o que há de melhor em cada ser humano, respeitar as suas particularidades e conviver com as diferenças.
Eu sou livre para dizer o que penso, para viver do jeito que quero, posso fazer o que  quiser, ainda que isto me afaste da convivência diária com algumas pessoas,  me traz para perto do meus ideais de vida.Eu sou única, ninguém é igual a mim, os meus pensamentos são meus.A MINHA VIDA É MINHA.
É preciso coragem para não fazer como a humanidade vem fazendo desde o principio, agregando pessoas  que se identificam, e que depois vão se tornando uma só, sem vontade própria, somente seguindo a maioria.
Em alguns momentos podemos até gostar das mesmas coisas, conversar sobre os mesmos assuntos, vestir o mesmo tipo de roupa, mas eu duvido que alguém possa ter os mesmo gostos o tempo todo, e é nestes momentos que nos tornamos falsos, mentimos,  para não discordar do grupo, falamos com lisonjas para não sermos excluídos, ainda que a nossa opinião seja diferente.
A minha oração hoje é que você seja livre para ser quem quiser, seja um cristão que viva a palavra, não se preocupe se  não se encaixa em determinado grupo de pessoas, você é livre.Tem um louvor do Sergio Lopes que diz assim:o sangue de Cristo liberta de todo o pecado, a cruz do calvário é o começo da nossa vitória, a palavra de Deus é a nossa arma de guerra, e o poder de Deus nos garante a vitória final.EU SOU LIVRE!JESUS VENCEU!

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Mulher que mantém unida a família


"Mas conhecendo ele os seus pensamentos, disse-lhe:Todo o reino, dividido contra si mesmo, será assolado; e casa, dividida, contra si mesma, caíra."Lucas 11:17
A mulher tem um dom único e especial que lhe foi dado por Deus: Manter unida a família.Tenho certeza de que você já prestou atenção quando morre um pai, a família sofre, mas continua firme, ela não se dissolve, quando acontece o contrário, aos poucos os irmãos vão se distanciando e chega uma hora que só se encontram em festas e velórios.
Mas tenho visto algumas mulheres que  não estão dando o devido valor a este presente de Deus, parece que gostam de criar conflitos dentro do lar, fica jogando o pai contra os filhos, criando contendas entre os irmãos, sente prazer em ver o circo pegar fogo.Criam estes conflitos, as vezes sem motivo, só para chamar atenção de todos para suas frustrações.
É como se a nossa casa fosse uma construção firme e forte, mas quando é assolado por confusões, os seus alicerces são abalados e a partir daí, começam a ruir.O senhor nos alerta em sua palavra que um reino dividido  contra si mesmo, será assolado.A união dentro de casa faz toda diferença na hora da luta.Uma família unida, é forte, é corajosa, os membros se completam e se transformam em gigantes quando necessário. 
A minha missão é manter a minha família unida a todo custo.Fui criada num lar que não era evangélico, mas cercado de muito amor, minha mãe fazia e faz o impossível, para que todos os filhos vivam juntos sem conflitos, e é esta a função da mulher cristã não deixar a casa dividida, não alimente comentários maldosos de um filho, para com outro, não faça fofocas entre eles, cuide para que eles se amem.O seu exemplo é muito mais importante do que tudo que aprende, não adianta falar que é feio, se você faz, na cabeça deles, tudo que você faz é bom.
A mulher cristã precisa dar o exemplo de mulher sábia, que conhece a verdade e é liberta, dentro da sua casa, dentro da igreja, no seu trabalho.O nosso comportamento influencia outras vidas.Você já reparou que se uma pessoa não gosta de fofocas, quando chega alguém falando qualquer coisa, ela corta o assunto, ele fica sem graça e não vai falar mais nada, vai procurar outro que dê corda.
Cada uma de nós tem a obrigação de não fazer divisões dentro da nossa casa, no meio da nossa parentela, criando panelas, este é assim, aquele é assado.Cada um que cuide da sua vida da forma que achar melhor.Porque a sua família faz parte do reino de Deus, e ele não pode ser assolado por estes conflitos, vamos caminhar juntos, com o mesmo objetivo, com o mesmo propósito que é chegar ao fim e poder dizer:Eu e a minha casa servimos ao senhor!!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Tem cristãos clamando por vingança


"O senhor prova o justo, porém ao ímpio e ao que ama a violência odeia a sua alma."Salmos 11:5
 A violência tem sido introduzida na nossa vida cotidiana de uma forma tão intensa que até o povo cristão, que aprendeu com Jesus o valor do perdão, do amor, nestes últimos tempos tem clamado por vingança.
Estamos vivendo dias muito difíceis, em que o nosso coração já não está aguentando tanta maldade, todos os dias tem uma história mais maquiavélica do que a outra, quando pensamos que o mal já chegou no seu limite, ele nos surpreende a cada dia.
Irmãos quando saímos as ruas clamando por justiça contra alguém que matou, que estuprou, que sequestrou, com ódio no coração, nós nos igualamos aqueles criminosos.Que justiça pode o homem fazer contra alguém que tirou uma vida, pode o homem restituí-la?
O fato de a justiça encarcerar alguém dentro de uma cela por 20/30/40 anos vai aplacar a dor pelo sofrimento desta pessoa?Não.
Nada que for feito contra estes criminosos será suficiente para se fazer justiça.Na verdade o que queremos é fazer vingança com as nossas próprias mãos, como era feito no princípio, olho por olho, dente por dente.
Irmãos, os que acreditam no evangelho de Cristo, os que se dizem cristãos, precisam ficar atentos com estes sentimentos, neste salmo Davi nos alerta de que o senhor prova o justo, porém ao que ama a violência odeia a sua alma.Você que tem esta sede de vingança contra estes criminosos, precisa tomar cuidado para que Deus não odeie a sua alma e os iguale a estes.
Não podemos nos unir as vozes que clamam por vingança, o nosso objetivo é orar para que eles venham a se arrepender e se tornem homens de bem, convertidos e salvos das mãos do diabo.
O mal tem alcançado muitas vidas, mas o amor é um bálsamo que pode sarar as feridas e restaurar os corações que neste momento sofrem por causa da violência, é preciso esquecer a vingança, conseguir perdoar, para poder seguir em frente, continuar caminhando na direção certa.Nesta semana em Santo André-SP, estamos vendo o julgamento do Lindenberg sobre a  morte da jovem Eloá, quanta tristeza para as famílias reviverem tudo isto de novo, será que a condenação daquele homem vai trazer o alívio esperado para aquela mãe?Será que depois da condenação vai esquecer o sofrimento pela perda da filha?Eu posso garantir a vocês que nada vai aplacar este sofrimento.Então o que podemos afirmar com certeza é que somente Deus pode fazer uma justiça verdadeira e é nas mãos dele que devemos entregar todas estas vidas.Esperando que cada um possa se arrepender a cada manhã pelos seus atos e pelos seus sentimentos.Jesus espera isto de nós!


Déa    

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

O objetivo foi alcançado...É hora de agradecer...


Comecei este blog de forma despretenciosa, sem intenção de bombar na internet, porque a única intenção é nos fazer meditar naquilo que erramos todos os dias, ninguém gosta de ser questionado sobre eles.Uma porta também foi aberta para quem precisar de uma amiga para conversar, mas o projeto foi além das minhas expectativas, estou chegando aos 10.000 acessos, parece pouco para os números da internet, mas se pensarmos que foram 10.000 pessoas que de uma forma bem simples leram a palavra do senhor, me traz uma grande felicidade.


Quem me conhece sabe que eu gosto muito de uma festa e para comemorar esta marca, vou fazer o sorteio de um presente surpresa (detalhe:feito por mim) entre todos que deixarem o nome e o email neste post até chegar aos 10.000 acessos, depois do sorteio eu entro em contato com quem ganhou para pegar o endereço.Boa sorte a todos e muito obrigado por acessarem o meu blog.Que de uma forma bem simples o evangelho entre no seu coração e permaneça  para sempre.


Déa

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Deus, onde estás?

"Porque tu estas afastado,Senhor?Tu te escondes em tempos de angústia?Salmos 10:1
Por que é tão difícil confiar que Deus não nos abandona, em meio as tribulações?
Quando parece que a água já chegou  no limite ,achamos que desta vez Ele não vai fazer nada.Parece que vai nos deixar naufragar.
 A dificuldade de confiar em Deus, até o último minuto caracteriza a nossa falta de confiança naquele que tem o poder para fazer tudo.
É muito complicado fazer um coração angustiado, aflito, manter a calma.Parece que fomos abandonado, que Deus se esqueceu de nós.
Todos nós passamos por estes momentos, em alguma parte da nossa vida, essa sensação de abandono, de que não somos mais a menina dos olhos de Deus, porque é assim que nos sentimos quando tudo está desmoronando:Deus não gosta mais de mim!Ele me abandonou!
Queridos, não somos bonzinhos, nem merecedores da misericórdia de Deus, tudo que somos, tudo que temos, tudo que fazemos, é porque o senhor permite, sem Ele, sem a sua graça, somos pobres, nus e desgraçados(destituídos da graça de Deus).
Ontem no culto o pastor Bruno trouxe uma pregação que dizia
que o cristão precisa estar preparado para lidar com problemas, porque todas as nossas bençãos vem acompanhadas por problemas:esposa, tem problema;filhos(tem problemas);igreja(tem um monte de problemas)carro(tem problemas);trabalho(tem problemas).Esta é uma verdade incontestável, vivemos cercados de problemas.Mas não é por isso que Deus parece que te esqueceu, você continua sendo o seu filho amado, mesmo quando está atolado num mar de problemas, mesmo quando as suas forças parecem pequenas para continuar nadando, mesmo quando o fogo começa a chamuscar o seu corpo, mesmo quando você pensa em desistir, Ele é contigo, nunca te deixa só.Lembre-se de que se fosse por merecimento que as bençãos chegassem até nós estaríamos perdidos.Mantenha a calma, uma hora esta tempestade vai passar e quando passar você vai se sentir amado de novo.Vai ver que o pai não te abandonou, estava apenas esperando o momento certo para agir.

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Faz como mando e não como faço

"Senhor coloca o teu temor sobre eles.Que as nações saibam que são apenas homens."Salmos 9:20
Parece que quanto mais conhecemos a palavra de Deus, mais nos esquecemos de vivê-la.A palavra nos diz que conhecendo a verdade seríamos libertos, mas não é isto que está acontecendo.O conhecimento ao invés de aproximar, tem nos afastado de Deus.Por este motivo temos visto homens com grande conhecimento da bíblia, mas sem o entendimento da palavra. A simplicidade do evangelho de Cristo tem sido substituída pelas palavras difíceis e pelas grandes interpretações.
 A nossa mente sozinha não é capaz de esclarecer as nossas dúvidas sobre o universo, é por este motivo que precisamos da ajuda de Deus para compreender os seus ensinamentos, a bíblia é um instrumento eficaz para este aprendizado, mas para entender o que está escrito é preciso que o nosso coração esteja livre de tudo aquilo que podemos julgar como certo e errado.
É preciso esquecer todos os nossos achismos e nos concentrarmos somente naquilo que diz a bíblia.
Ao longo dos anos da nossa vida cristã tenho percebido que aos poucos o temor daquilo que é errado tem diminuído.Estamos buscando alternativas para trazer o que nos atrai lá fora para dentro do nosso convívio diário.Alguns encontram esta satisfação na televisão, o fato de assistir uma novela, um programa inadequado, os remete para um mundo desconhecido e perigoso que os atrai e ao mesmo tempo os mantém protegidos dentro das suas casas.
Algumas pessoas assistem tudo que aparece na TV, e não se deixam influenciar por aquilo que é mostrado, outros acabam incorporando os costumes, as falas, os comportamentos na sua vida. A palavra nos ensina que tudo eu posso fazer, mas que algumas não me convém, é a velha estória do livre arbítrio, em que cada um escolhe o seu caminho, toma as suas decisões e caminha dando um passo de cada vez até chegar o fim.
Mais do que pregar é preciso decidir o que está certo e o que está errado dentro das famílias e da igreja, e não ter medo de corrigir, de ir contra o sistema das coisas que nos leva a morte eterna.Alguns corajosos são vistos carregando estas bandeiras.Não somos ETS, apenas achamos que há um jeito certo para fazer as coisas, sem mentiras, sem enganações, sem hipocrisias, somente falando e fazendo o que é correto diante de Deus e dos homens.Ser cristão é viver o evangelho em tempo e fora de tempo todos os minutos do dia, sem intervalo e sem descanso.É difícil, mas não impossível!   

Filhos:Qual o limite para dar e comprar sem culpa?


"Se vós que sois maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais o Pai celestial dará  o espírito santo àqueles que o pedirem?"Lucas 11:13
 A grande batalha a ser vencida na educação dos nossos filhos é saber conjugar o verbo DAR dentro dos limites do tolerável.
Fica cada vez mais difícil saber até onde podemos chegar.
Deus conhece profundamente cada um dos seus filhos e sabe das suas limitações,com isto consegue administrar o que dá para fazer por cada um , uns podem receber muito e outros não podem ter nada.Mas e nós como saber até onde podemos ir?
O primeiro passo é fácil aprender com Jesus, segue o conselho:
1)Conheça profundamente o seu filho, é importante saber com quem está lidando, sem ser enganado.
Cada ser humano tem uma personalidade diferente, às vezes sincera, em outras dissimulada, e não é diferente com  eles.Alguns  mentem e enganam  os pais, é preciso ficar de olhos abertos.
A palavra nos diz que onde estiver o nosso coração ali estará o nosso tesouro.Podemos agir com esta mesma medida na hora de educá-los.Alguns filhos podem receber tudo e isto não influencia o seu comportamento.Com outros é preciso ter cautela, parecem um saco sem fundo, quanto mais você dá, mais eles querem.
Vivemos numa sociedade em que o consumo exagerado é incentivado através  de todos os meios de comunicação a todo momento, parece bombardear a mente dos nossos filhos e criam consumidores compulsivos.Nosso dever como guardiões destas vidas é brecar este consumo desenfreado.Não podemos fazer sacrifícios desnecessários para atender os desejos destes que se deixam influenciar por este consumismo.É correto ter limites, é correto dizer não às vezes, apenas para disciplinar.Ele não vai morrer se não tiver o celular da moda, o video game mais moderno ou o último lançamento da Nike.Desde cedo é preciso aprender que não podemos comprar todas as coisas, é preciso  valorizar cada compra, e saber que algumas não são descartáveis, são bens duráveis, é preciso cuidar para que não se estrague.Por outro lado também tem pais que compram brinquedos e equipamentos caros e querem que os filhos os deixem guardado para não estragar.Se for para deixar só para olhar é melhor deixar na loja nem trazer pra casa, sai mais barato!
Em tudo que fazemos deve haver um equilíbrio, um controle, para que não extrapolemos os limites, nem dando demais e nem de menos.Ser um pai  ou uma mãe avarentos, também traz grandes complicações na vida dos filhos.O importante é que você seja guiado pelo espírito na hora da compra.Seja sábio!