quinta-feira, 1 de março de 2012

Sou feliz por ser cristão ou sou cristão porque quero ser feliz


"Far-me-às ver a vereda da vida; na tua presença há abundância de alegrias;à tua mão direita há delícias perpetuamente."Salmos 16:11
Motivos para seguir a Jesus, ser um evangélico, ou como alguns prefiram, ser um cristão, não faltam para nenhuma pessoa, mas alguns, insistem em não querer compromisso com Deus porque vão deixar de ser felizes, a vida de crente para estes, é uma chatice.
Neste salmo há uma promessa de Deus para nossas vidas, de que a alegria será abundante perpetuamente, para sempre.
Quando temos um encontro verdadeiro com Deus, começamos a perceber que a felicidade está nas  pequenas coisas que fazemos no dia a dia.
A alegria não é uma coisa que se consegue com uma noitada, de muita bebida, drogas, mulheres, prostituição, no dia seguinte estamos infelizes de novo, com o coração vazio,  com a consciência pesada por tanta promiscuidade.A verdadeira alegria está em compartilhar o amor, em poder se olhar no espelho sem culpas, ter um companheiro ou uma companheira, para caminhar na praia, olhar o por do sol, ver os filhos crescendo, conversar sobre os problemas sem brigas, dormir a noite inteira abraçado, acordar com o cheirinho de café quentinho, conhecer lugares diferentes, ler um bom livro, deitar na rede.Para alguns parece muito chato, mas eu tenho certeza que boa parte destes que estão por aí, estão em busca desta  simplicidade, desta vida meio chata, mas que nos dá tanto prazer.O mundo mostra a alegria de forma deturpada, feita de pequenos momentos.A verdadeira alegria está em sermos sempre felizes.
O tempo vai passando e esta ferveção, este burburinho, vai perdendo a graça, não te satisfaz mais, chega uma hora que fica somente um vazio, um sentimento de que está faltando algo e o tempo que deixou passar sem ter alguém importante para compartilhar a vida.
 Quando encontramos em Deus motivos para levar uma vida mais simples, o nosso coração é preenchido e aquele vazio de antes não existe mais, é uma paz que ninguém consegue explicar, a  alegria não depende de homens ou de situações, encontro prazer dentro de mim, mesmo estando sozinha.
Você que não  quer nada com Deus e usa a desculpa de que é jovem e precisa se divertir para não ir a igreja, quero desafiá-lo
a ter um encontro com Cristo e descobrir o que é a verdadeira alegria.

2 comentários:

Eliana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eliana disse...

Dea desculpe, o comentário saiu em duplicidade e eu deletei e apaguou os dois.
Mas quero dizer novamente que seu blog é encantador e estimulador, adorei o post de hoje.
Seja muito bem vinda ao meu Barraco sempre, viu.
Bom domingo
Beijos