sábado, 27 de fevereiro de 2016

Solidão da alma

Ainda que estejamos rodeadas de gente,  às vezes nos sentimos só. E não é uma solidão que possa ser preenchida com qualquer companhia, é uma solidão da alma. Vem de dentro. Necessidade de partilhar a vida de forma diferente. Alguém que compartilhe os mesmos ideais, os mesmos projetos de vida, sonhos parecidos. Dividir os segredos do coração. Alguém que entenda o que está sentindo, sem muitas explicações. Encontrar apoio para os momentos difíceis. Um ouvido amigo para os momentos de desabafo, sem comprometimentos, nem invasões da privacidade. Alguém que possa entender as suas angústias, sem julgamentos precipitados. Poder se expor sem preocupações. Companhia para o café da tarde. Alguém que respeite os meus momentos de querer ficar só e não fique chateado se o dispensar mais cedo do que de costume. Alguém que possa me fazer rir com histórias engraçadas Que me faça sentir orgulho das minhas conquistas. Que traga um sorriso sempre que vier ao meu encontro. Que o seu abraço me proteja de todo o mal. Que enxugue as minhas lágrimas quando elas insistirem em cair. Que me ensine a me defender das palavras que magoam.  Que me ponha no colo e resolva todos os meus problemas. Que me faça cócegas quando eu começar a chorar. Que cozinhe somente o que eu gostar. Que me compre tudo que eu pedir.
 Há que existir uma maneira para prolongar a infância. É o momento da vida em que o mundo gira em torno do meu umbigo. Ser adulto implica em esquecer essas facilidades e encontrar o equilíbrio para essas carências e necessidades. Difícil é seguir o caminho sem essa rede de apoio por perto,  Sentir-se só não quer dizer que é sozinho, que não tem ninguém. Confirma apenas que você cresceu e que sente saudades de um colo.


terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Escada da vida

A cabeça anda cheia de planos. Coração apreensivo com tantas possibilidades. Difícil decidir por onde seguir. Uma necessidade ferrenha de produzir algo espetacular, nos leva às vezes a ter dúvidas sobre as escolhas que fizemos e nos trazem certa insegurança. Será?
Muitas vezes as dúvidas são geradas porque nos frustramos com aquilo que colhemos. Parece que podia ser um pouco mais. Queremos mudanças, Reviravoltas. Começar de novo. Fazer diferente.
Pensa bem: O que é que está faltando ou sobrando, que deixa você assim?
O que é que podia ser diferente? Será que as escolhas que fez, não foram boas?
Toca a vida para frente. Nada acontece por acaso. Tudo o que você construiu é o melhor que Deus tinha preparado. O que não aconteceu, passou, não era para ser.
A vida se renova a cada dia. Oportunidade única de fazer diferente. Tudo o que tiver que acontecer, será do jeito que Deus quiser, não podemos mudar os planos que Ele tem pra nós. Cada detalhe é pensado para que tudo aconteça da melhor maneira. Não adianta ficar aflito. Inseguro. Lamentando o que ficou para trás. Esquece tudo o que passou. O que você tem, dentro das possibilidades, é o melhor de Deus para sua vida. Aproveita o momento.  Para de achar que poderia ser diferente. Espera um pouco que as peças vão se encaixar e montar o quadro completo, como se fosse um quebra cabeça nenhuma peça fica fora do lugar. Infelizmente vamos deixar coisas pelo caminho. Acredita, tudo aquilo que não está com você, não era seu, pertencia a outro. O que ficou para trás, esquece, se for importante, Deus trará de volta. Segue a vida produzindo coisas novas.
Dá uma chance para Deus surpreender você. Os planos Dele são melhores que os seus.
Na escada da vida ficam folhas e flores pelo caminho....servem de adubo.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Por amor à Deus, cuido de você

"Por amor da Casa do Senhor, nosso Deus, buscarei o teu bem. Salmos 122:9"





































 Vivemos dias em que o bem estar do outro não é importante, pensamos apenas em satisfazer os nossos próprios desejos. Naquele instante de diversão o que menos importa são os sentimentos do objeto da piada. Pensamos na satisfação momentânea de um instante de riso. Não nos preocupamos com as consequências do comentário maldoso ou da inverdade, desde que seja engraçada. O riso que custa menosprezar não pode de forma nenhuma ser engraçado. Que alegria é essa que precisa ridicularizar, apenas para que alguém se divirta? Esse instante de riso é um riso marcado pela falsidade, porque achamos graça naquilo que ofende e que muitas vezes reflete a nossa insegurança. Por mais divertido que possa parecer rir do outro não é legal. Falar mal de quem não pode se defender é mais feio ainda, e se fosse você o motivo da piada? Ou da fofoca? Ou da mentira?
O tema sobre buscar o bem do outro é muito complexo, falei das piadas porque é bastante comum a gente se divertir, rindo das dificuldades do outro. Mas são diversos os motivos que nos fazem mais agressivos, violentos e intolerantes. O mundo já é mal, a violência impera em todos os lugares e se você, uma pessoa de bem, que teme à Deus, se diz cristão, não buscar uma convivência pacífica com os que vivem com você, vai chegar o tempo em que deixaremos a vida moderna para voltar aos tempos da caverna. Seres bárbaros.
A convivência pacífica precisa ser conquistada entre os grupos, entre as famílias, no local de trabalho, no trânsito, dentro das igrejas. É uma questão de escolha. Você acorda e decide ser uma pessoa melhor e não é porque você é bonzinho. Simplesmente para que a humanidade se diferencie dos animais e você seja mais feliz. Por amor a Deus busque o bem daqueles que convivem com você.
Não custa nada. Ás vezes engolir uns sapos, ou um cabo de guarda chuva mantém as nossas emoções sobre controle. Amar o outro como a si mesmo, significa se colocar no lugar dele sempre. O que não é bom para você não pode ser legal para ele. O que não presta para você, não vai prestar para o outro também. Seja tolerante, mesmo que de vez em quando alguém insista em arranhar você. O que não quer ouvir, não fale. Buscar o bem de uma pessoa é uma semente que você planta, cuida e lá na frente colhe os frutos. Frutos de paz. Frutos de boa convivência. Frutos de um ser humano melhor, consciente das suas atitudes. Que cuida para que o mundo seja um lugar de paz. E que o seu filho possa sentir orgulho daquilo que você semeia hoje para que ele colha amanhã.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Termine bem o seu dia

"As preocupações roubam a felicidade da gente, mas as palavras amáveis nos alegram. Provérbios 12:25"

O dia começa e não sabemos como irá terminar. Preocupações estão no topo da escala de coisas que podem azedar o nosso dia. Gastamos boa parte dele maquinando soluções e situações que não somos capazes de resolver. São só preocupações e mais nada,
Não estou dizendo que deva menosprezar as suas preocupações e que não deve dar a elas a devida importância. É que algumas situações podem ser vistas de outra forma. Uma atitude confiante e a certeza de que em qualquer momento Deus está com você, abre uma nova perspectiva para os seus problemas. Amanhã é um outro dia. Entrega tudo aquilo que te aflige, em oração, nas mãos de Deus. Espera um pouco, que tudo volta ao lugar. A terra gira em torno do sol e a vida em torno daquilo que você semeia e colhe. Como um raio de luz em meio a escuridão, assim é a presença do Senhor quando se está aflito. Já vivi muitas situações difíceis e uma atitude confiante foi o meu remédio. Experimenta ajudar a resolver o problema de alguém enquanto está em dificuldade, é maravilhoso, as suas forças são renovadas. Experimenta perdoar quando está com raiva. Dá um abraço em alguém que parece mais triste que você. Diante de Deus os seus pequenos problemas não representam nada, em segundos podem ser resolvidos, mas a atitude de deixar de lado os seus problemas e olhar para o outro com compaixão é a semente do evangelho de Jesus que precisa ser semeada e representa a sua vitória. Dificuldades não podem ser motivos para que  o seu dia não seja maravilhoso.O mundo é carente de gente que se dispõe a cuidar do outro, Pode ser que um simples sorriso ou um abraço apertado mude o dia de alguém. E esse dia tem tudo para ser muito feliz! O bom é viver de bem com a vida!