sábado, 28 de janeiro de 2017

Pode ser a última vez

Vim me despedir
A gente não sabe mas esta é a última vez que nos vemos.
Como assim?
Eu não sei bem o porquê, mas, nunca mais  a gente vai se ver de novo
Quero poder olhar dentro dos seus olhos e ter a certeza de que me ama
Sentir o toque das suas mãos nas minhas
Guardar a força e o calor do seu abraço quando as lágrimas correm pelo meu rosto
As suas palavras de consolo quando o meu coração está triste
As risadas mais divertidas foram as que demos juntos
Eu ou você, vamos morrer?
Não, é que em breve a vida vai nos separar para sempre, 
nunca mais tornaremos a nos encontrar.
Queria poder colocar a sua essência num vidro e guardar para sempre um pouco de você
Tem alguma coisa errada, nós somos tão amigos, a vida nunca vai nos separar.
Difícil, mas é a pura verdade.
Hoje é o nosso último encontro, vamos fazer uma despedida para que a lembrança desse nosso último encontro fique para sempre em nossa memória
A nossa amizade é tão especial, não quero falar tchau para você de qualquer jeito
Quero lembrar para sempre a nossa última conversa, o nosso último abraço, o último beijo
Espera! Já que você não vai me ver de novo, promete pelo menos me ligar de vez em quando.
Prometo, só que já vou adiantando que a distância vai nos afastar para sempre, é que as memórias vão se apagando com o passar do tempo, a sensação é a mesma de olhar uma fotografia muito antiga, desbotada pelos anos, trazem uma certa alegria por alguns instantes, mas logo em seguida são esquecidas, essas lembranças não preenchem mais a vida de agora.
Que triste! Pensei que íamos envelhecer juntos, contar aos nossos netos as nossas histórias, a vida maravilhosa que compartilhamos, de um tempo muito feliz.
O fim tem que ser hoje mesmo?
Adeus meu amigo, talvez um dia a gente possa se encontrar.....


segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Ainda dá tempo

Ainda dá tempo de olhar o vento e voltar atrás
consertar os estragos e dizer nunca mais
De dizer que me ama e  me pedir perdão
Olhar nos meus olhos e ouvir o seu coração.
Ainda dá tempo de esquecer as mágoas e calar todas as acusações
Se tiver tempo, conserta tudo,  amarra a nossa rede no quintal
Se o tempo deixar, 
liga de novo 
 me abraça com gosto 
 me convida para dançar
 me beija como se hoje o mundo fosse acabar
Ainda dá tempo, estou esperando você chamar
Quero ouvir todas as palavras de amor que 
insiste em guardar, por medo de amar
Volta logo, talvez o cansaço me faça desistir de esperar
E encontre na volta, qualquer  outra coisa ocupando seu lugar
Ainda dá tempo de olhar o vento e semear a paz